24.10.05

O Não do referendo

Do O Globo, hoje:

"Foi um recado claro de insatisfação com a política de segurança do governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva e dos governos estaduais. O “Não” venceu em todos os estados.
— Foi acachapante. Creio que 90% da população não gosta, tem medo, foge das armas, mas ao dizer que não pode proibir, indica que não se sente segura em relação aos organismos de segurança pública — disse o deputado Luiz Eduardo Greenhalgh (PT-SP), relator do Estatuto do Desarmamento e defensor do “Sim”.
...................
Se a nação sentisse que o Estado pode suprir suas necessidades de segurança o Sim teria vencido.