23.1.06

Antes tarde do que Nunca!


Caramba! Quanto tempo ausente!
Eu precisava mesmo de férias e até minha filhota me propiciou isso. Foi passar quinze dias com os tios em Minas e acabou ficando um mês. Falo com ela todos os dias e ela me diz: - ah Mamãe! Estou com tantas saudades, mas aqui está tão bom! Então ela vai ficando... Volta nesta próxima quinta-feira. Estou doída de saudade. Doída mesmo! Só de pensar nela o coração se contorce.
Enquanto isso eu aproveito para redecorar alguns cantinhos de casa, com algumas compras e muito trabalho artesanal. Gosto de pintar e inventei muita coisa legal, o que tornou nosso chalé ainda mais convidativo, palco de freqüentes happy-hours com os amigos. Meu Richard toca violão e dizer que toca muito é pouco. Seus amigos, quase todos músicos de tempo livre, costumam se reunir para embalar a noite. Dias quentes e noites estreladas formam o cenário ideal para muito lazer e reflexões. Piscina sempre que possível, só no fim do dia, porque esse nosso calor está literalmente fervendo miolos. Adoro o silêncio do campo e nestes últimos dias mergulhei num silêncio delicioso.
Começo o ano feliz...