22.2.06

Novas Oportunidades


Que coincidência fantástica. Meu último post falando de trabalho e ontem saí de uma reunião nas nuvens! Já vou avisando que estarei meio ausente até 6 de março porque vou preparar um projeto que vai exigir muito de mim nos próximos dias. Se der tudo certo, depois divido a novidade.
Por hora posso dizer apenas que estou suficientemente entusiasmada para pular da cama todas as manhãs.
Não sei se terei tempo para postar, mas sempre que puder dar uma folguinha vou navegar por aí e ver o que vocês andam escrevendo.
Torçam por mim
Beijos

18.2.06

Trabalho e realização

Uma frase, num post do sobre finanças do Amar-ela, um dos blogs mais legais que achei recentemente, me instigou a escrever sobre o Trabalho e a realização.
"Trabalho nunca fez mal a ninguém" é uma frase comum aos nossos ouvidos. No post da Daniela a frase se contrapõem à preguiça. Mas, fiquei pensando... Por que o trabalho precisa ser ruim? Por que tanta gente não gosta do trabalho? O que há de errado com ele? É porque nos paga pouco ou nos consome o dia todo? É porque é pouco criativo ou nos obriga conviver com pessoas de quem não gostamos? É porque o vemos como uma obrigação?
O trabalho deveria ser nossa principal ferramenta para a construção dos nossos sonhos, para a nossa realização pessoal. Deveria ser nosso aliado, algo que nos tira da cama com alegria e disposição.
Sendo assim, o que faz tanta gente dedicar uma vida inteira fazendo o que não gosta? Quando penso em números fico até assustada. A grande maioria das pessoas é infeliz porque, simplesmente, se sentem reféns de suas próprias vidas.
No post a Daniela lembra que algumas pessoas são até felizes com pouco, enquanto outros vivem deprimidos na fartura. Para mim o princípio da felicidade com o muito ou o pouco que se tem, é quando se faz o que se gosta.
Acho que cada um precisa se conhecer e se respeitar. Antes de tudo é preciso se dedicar a si mesmo. Se fizer o que se gosta, o mundo fica mais bonito, você fica mais bonito, mais leve, mais positivo. Tudo flui para te ajudar na construção do seu reino. Se você se sente pleno, vai querer dividir isso com os outros.
Crianças pulam da cama logo cedo, cheios de disposição. Por quê? Porque estão sempre determinadas a preencher seu tempo fazendo coisas de que gostam. Cada novo dia é um dia de grandes oportunidades. Elas vivem para o momento e somente para o momento. Elas sabem intuitivamente que é tudo o que há. Nós sabemos que elas estão certas. Não se pode ser feliz agora vivendo no passado ou no futuro.
Realização é uma necessidade básica, uma reivindicação humanamente justa.
Vale a pena lutar por ela!

17.2.06

Mudar de atitude, todo mundo pode.

Todo mundo se lembra da turminha de amigos do bairro. Foi através dela que tivemos nossas melhores experiências. Juntos, éramos invencíveis e tudo o que fazíamos era pura diversão. Mas, quem se lembra do cara chato que sempre jogava areia nas grandes idéias, apresentava toda sorte de dificuldades ou inventava uma desculpa para cair fora? Quase ninguém e isso porque, todo grupo tem um “estraga prazeres” que, no final, acaba sendo afastado, excluído e esquecido pelo grupo.
Encontramo-lo em todo o lugar. É fácil identificá-lo pois ele continua desestimulando qualquer pessoa a introduzir algo novo, estabelecer novas metas, criar novos desafios. Sua palavra de ordem é “de que adianta, no fim do mês o nosso salário é sempre o mesmo” ou “a gente se esforça, se mata e ninguém reconhece”, ou ainda, “só faço o que sou pago para fazer”.
Esse é o sujeito que, invariavelmente, vai passar a vida toda reclamando, reclamando. O que é que se espera de um sujeito assim? Que ele mude de ATITUDE. Que ele assuma uma atitude positiva diante da vida e do trabalho. Que ele reconheça que tudo está ao seu alcance e que só depende dele.
Apesar desse sujeito ser apenas um personagem, todos nós, um momento ou outro, nos comportamos dessa forma negativa. Por isso, precisamos estar alerta para que nossa atitude negativa não leve “por água abaixo” os momentos mais promissores de nossas vidas.
Nas nossas relações pessoais, encontramos, ainda, o sujeito “topa tudo”. Ficamos surpresos como eles tem disposição para assumir mais e mais desafios, estão sempre prontos para ajudar e até se aborrecem quando as coisas ficam meio paradas. O que é que torna eles tão especiais? Não são mais nem menos inteligentes do que qualquer pessoa e, ao contrário do que pensam, não se utilizam de favores especiais para se promoverem. Eles apenas tem uma atitude diferente em relação à vida. Eles são positivos, se empenham e acreditam que tudo está a seu alcance. Eles tem a exata visão de onde querem estar amanhã e vão em busca desse futuro melhor. Estão sempre dispostos a dar o primeiro passo e fazem isso a toda hora e em todo lugar, seja em casa ou no trabalho.
Esse personagem também é parte de nós, mas só está presente nos nossos melhores momentos. É ele que vai nos colocar mais perto do que sonhamos para nossas vidas.

9.2.06

Só para mulheres!

"Senhor, me ajude a nunca desistir de ser mulher.
Coloque um espelho no meio do meu caminho entre a lavanderia, o supermercado, o sapateiro, o colégio e a locadora.
E que, ao me olhar, eu goste do que veja.
Não deixe que eu passe uma semana sem usar um batom bem vermelho, uma bota bem alta ou um jeans bem justo.
Proteja meus cachos do vento e os brincos e anéis dos olhares invejosos.
Nunca deixe faltar na minha vida comédias românticas e boas depiladoras.
Se eu estiver com vontade de chorar, faça com que eu chore um dilúvio.
E que, neste caso, tenha saído de casa sem pintar o olho.
Para cada dia de TPM, me dê uma vitrine com sapatos lindos.
Já que eu nunca pedi milagres, faça que minhas celulites sejam ao menos discretinhas.
Me dê saúde, tempo livre, silêncio.
E que nunca falte absorvente na minha bolsa.
Nos engarrafamentos, faça com que eu ligue o rádio e esteja tocando minha música preferida.
Dê forças para eu insistir que meus filhos comam salada, digam "por favor" e "obrigado", limpem a bocano guardanapo, façam as pazes e puxem a descarga.
Cegue meus olhos para as sujeiras nos cantos e os brinquedos no meio da sala (eles vão estar semprelá, isso eu já vi).
Ajude para que eu chegue do trabalho e ainda consiga brincar, ver desenho, contar história ou fazer cócegas!
E se eu não tiver a menor condição de me manter em pé, faça com que meu filho chegue dormindo da escola.
Em dias difíceis, me dê persistência para seguir na dieta.
Dê também, firmeza para os seios...
Proteja minhas poucas horas de sono e não me julgue mal caso eu não acorde no meio da noite para cobrir meus filhos.
Não deixe que a minha testa fique tão franzida a ponto de parecer uma saia plissada.
E eu, uma louca estressada.
Faça com que o sol seja meu personal trainer, meu complexo de vitaminas, meu carregador de bateria, mas quando eu pedir um diazinho de chuva, não pergunte por quê.
Para cada batata quente no trabalho, me dê um café recém passado.
Entenda que, quando eu rezo para cancelarem uma reunião (não é gastar reza à toa, pode ter certeza).
No meio de tudo isso, faça com que eu ache tempo para virar namorada de novo, ir no cinema, jantar fora, beijar na boca, dormir abraçadinha.
Ilumine o espelho do banheiro e proteja minhas pinças, meus cremes e segredos.
Ajude a não faltar gasolina e não furar o pneu e, por favor, afaste os motoqueiros do meu retrovisor.
Senhor, por pior que seja o meu dia, faça com que ele termine, e não eu.
Amém."

Recebi essa oração de uma querida amiga por e-mail.
Chegou em boa hora. Precisava relaxar e me divrtir.
Adorei!

1.2.06

Pequenos Problemas

Olá Queridos Amigos.
Ando com problemas na rede e não consigo acessar a internet do meu computador.
Espero que tudo fique resolvido até o fim-de-semana. Meu grande herói do mundo informatizado vem me salvar na sexta. Consegui entrar alguns momentos aqui e ali, mas preferi visitar algumas páginas para para ler o que vocês andam postando.
Saudades...